Personal Trainer: custa caro?

Foto ilustrativa – Créditos: Shotput

Fui entrevistada pelo Blog Entrevistas Blogs onde foram abordados diversos assuntos e uma das perguntas feitas pela Luciana Santos foi: Analisando o custo benefício, diga sinceramente, custa caro um personal trainer?

Respondi que tudo é uma questão de referência. O que é caro para uns pode não ser para outros. Vou dar aqui um exemplo diferente daquele que usei na entrevista.

O que você faria com 100 mil reais?  Há quem responda que compraria um imóvel, há quem diga que compraria um carro e ainda há aqueles que comprariam umas roupinhas novas.

Com o personal não é diferente, existe serviço de tudo quanto é preço. E ainda assim pode ser caro para muitas pessoas, mas há quem nem questione se o valor que está sendo pago é adequado ao serviço prestado.

Antes de pensar no preço pergunte-se porque precisa de um personal. Se é por que seu amigo tem um…esqueça! Seja o preço que for, será caro! Justifica-se o atendimento individualizado quando existe a necessidade de uma atenção especial. Por exemplo: pessoas que tem problemas de saúde (coluna, joelho, coração, diabetes) , deficientes, gestantes e idosos (em alguns casos), pessoas com dificuldade para emagrecer.

Como qualquer outro tipo de produto ou serviço é preciso analisar muito bem seu custo-benefício. No caso do personal peça um currículo para analisar, um currículo pobre não justifica um valor alto. Considere a formação, na dúvida sobre o curso faça uma busca no INEP, verifique se o profissional tem pós-graduação, quais são as especializações, se está atualizado, se é vinculado à alguma instituição e se tem registro profissional (CREF). É claro que nada disso garante a prestação de um bom serviço, mas pelo menos ajuda a justificar o valor que está sendo cobrado.

Dica para pedir um desconto…

As academias costumam cobrar do personal um determinado valor pela utilização das suas instalações para ministrar as aulas. Em São Paulo esse valor pode chegar a quase R$ 40,00 por aula que são repassados para o aluno, portanto se você vai treinar no parque, no seu prédio ou nas poucas academias que não cobram essa taxa…negocie!!!

De qualquer forma não esqueça que o personal trainer é um profissional da área da saúde e deve ser bem remunerado pelo trabalho que presta.

Denise

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply

Compare items
  • Total (0)
Compare
0